Quanto vale o médico?

Quanto vale o médico?

Em geral, TODOS os profissionais da Saúde recebem muito POUCO dos planos de saúde. Mas posso falar com mais detalhes dos médicos, conforme segue.

Aos que me perguntam por que não atendo convênios:

– Minha primeira consulta normalmente dura mais de 1h e cada retorno mais de 30 minutos

– A maioria dos convênios mais aceitos, “populares”, paga entre R$ 30 e 45,00 por consulta. E obriga o médico a fazer retornos até 30 dias depois da primeira consulta, SEM qualquer remuneração adicional

– Reavalio meus pacientes, após a primeira consulta, em menos de 30 dias, para acompanhá-los mais de perto.

Faça, pois, os “cálculos de convênio”: se eu atender 10 longas horas de Segunda a Sexta, supondo o movimento “tradicional” de consultório de 50% de primeiras consultas e 50% de retornos, atenderei 15 pacientes (nos meus moldes atuais de atenção aos pacientes), recebendo cerca de R$ 200,00 por dia (10 retornos, não remunerados em sua grande maioria e 5 primeiras consultas). Mas não nos esqueçamos que este é o valor bruto… Supondo despesas de 40% para manter um consultório (ou pagar porcentagem para trabalhar em um), sobrarão 120,00 líquidos POR DIA. Ao final de um mês comercial, após trabalhar mais de 200 horas e atender mais de 300 pacientes, sobrará um “salário” de cerca de R$ 2.500,00. E isto, já assumindo mais que as normais 8h de trabalho por dia (para qualquer outro profissional) e supondo-se um consultório sempre “cheio” e que os convênios não “glosem” nada (assim deixando de pagar pelos serviços realizados).

Por isso vários colegas médicos são FORÇADOS a atender mais pacientes por dia, com bem menos tempo para avaliar e tratar cada um deles, assim “obrigados” a aumentar suas jornadas diárias de trabalho, o que gera mais stress e desgaste do profissional, que também é um ser humano e, destarte, também tem problemas e adoece. E some-se a isso tudo: nenhum convênio paga o tempo que o médico ainda tem que gastar para estudar e assim manter-se atualizado, em benefício do próprio paciente (e os congressos, cursos, especializações e afins)…

Por tudo isso, gostaria muito de atender as dezenas de pacientes que, semanalmente, ligam querendo marcar consultas por convênio. Mas como fazer isso sem penalizar o paciente (reduzindo os tempos de consulta) de alguma forma? Afinal, todos temos contas para pagar.

Leiam a notícia recente abaixo e comprovem tudo o que eu disse. Algo realmente está errado e prejudicando a nós todos, não? Médicos e pacientes.

* Quanto vale o médico?

Consulta é menos valorizada que serviços em geral

O valor médio da consulta em plano de saúde individual, que em 2008 valia R$ 40,39, caiu para R$ 38,93 em 2009, segundo dados da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), apurados a partir de informações oficiais das próprias operadoras. Dados das entidades médicas mostram que há planos de saúde que pagam menos de R$ 25 por consulta, valores inferiores aos declarados à ANS. Em São Paulo, a média paga pelos planos de saúde é R$30,00 a consulta.

Em março de 2010 foram contabilizados 43,2 milhões de brasileiros vinculados a 1.195 operadoras de planos privados de assistência médica. Os médicos foram responsáveis, em 2009, por acompanhar mais de 4,7 milhões de internações de usuários de planos de saúde e realizaram mais de 223 milhões de consultas desta população usuária da saúde suplementar.

Enquanto o valor da consulta médica diminuiu, no mesmo período a receita das operadoras médico-hospitalares cresceu 8,1%, de 2008 para 2009. Os planos de saúde faturaram R$ 63,9 bilhões em 2009. Ao comparar o valor da consulta médica com diversos serviços gerais prestados (veja quadro abaixo), percebe-se a desvalorização do trabalho médico pelos planos de saúde. A consulta médica vale aproximadamente dez vezes menos que 40 minutos de animação de mágico em festa infantil; seis vezes menos que a apresentação de um palhaço; cinco vezes menos do que uma escova progressiva em cabeleireiro e é menos valorizada que serviços pontuais de pedreiro, pintor, encanador, eletricista etc. Uma consulta médica, na maioria das vezes, exige anamnese, exame físico e exames complementares para se chegar ao diagnóstico final e à conduta terapêutica e tratamento adequado.

Todas as profissões mencionadas a seguir merecem o respeito, o reconhecimento e a devida valorização da sociedade. A comparação tem o único propósito de revelar o descaso dos planos de saúde com os médicos.*

Média (R$)

Profissionais/serviços pontuais

Médico: consulta médica*   …………………………………….      R$ 38,93

Sapateiro: troca de sola inteira …………………………………    R$ 43,00

Pet shop: banho e tosa em cachorro  …………………………  R$ 51,00

Eletricista: instalação de chuveiro elétrico …………………  R$ 57,00

Faxina (8h/dia)   ………………………………………………………….       R$ 67,00

Pintor: pintura de 10m2 ………………………………………….         R$ 80,00

Cabeleireiro: escova progressiva ………………………………       R$ 204,00

Encanador: reparo de válvula de descarga de banheiro ……    R$ 69,00

Pedreiro: instalação de batente de porta …………………….    R$ 167,00

Animador de festa: palhaço (2 horas de trabalho)………….   R$ 251,00

Animador de festa: mágico (40 minutos de trabalho)………   R$ 385,00

– Valor médio nacional de consulta médica de plano de saúde individual – Fonte: ANS/2010. Dados das entidades médicas mostram valores ainda menores, abaixo de R$ 25,00 por consulta. OBS: Valores médios de mão-de-obra de outros serviços. Fonte: Datafolha/Datacasa – Pesquisa de preços realizada com base em informações cedidas por agências especializadas em serviços domésticos e anúncios dos principais jornais na cidade de São Paulo.

Acesse e confira: www.quantovaleomedico.com.br

admin | Médico

Gostou deste conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on telegram
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaques

CÂNCER

Alguns comentários MEUS sobre CÂNCER, visando ajudar você a entender melhor o assunto. Atendendo a inúmeros pedidos, segue abaixo uma

VITAMINA B5 e Pantetina

Você não (ou pouco) conhece MAS são Importantes e desvalorizadas Possivelmente, sobre a B5, você: – Não sabe o quanto

Entre para nosso grupo no telegram para receber em primeira mão nossos posts

Assuntos relacionados

Retorno de consultas – Por que é importante e como proceder
Como eu trabalho, atendo, oriento e trato meus pacientes
Ortomolecular e hormônios em infertilidade, endometriose, TPM e gravidez